O Festival Pinheiros, já em sua 3a. Edição, transforma a Rua dos Pinheiros em um enorme calçadão, atraindo cerca de 100 mil pessoas em apenas 10 horas de evento. Alinhado aos princípios do Estatuto do Pedestre (Lei 16.673/2017), prioriza a ocupação do espaço público valorizando quem se desloca a pé e reunindo famílias e amigos.

A coincidência de objetivos aproximou o Coletivo Pinheiros, que realiza o festival, o vereador Police Neto e os escritórios Boldarini Arquitetos Associados e PS.2 Design há cerca de um ano. A equipe de arquitetos, designers e especialistas em mobilidade fez um estudo aprofundado da região – inclusive sobre as transformações provocadas pela estação de Metrô Fradique Coutinho, que aumentou a frequência de pedestres e veículos – e levou o projeto ao Coletivo. Uma série de reuniões amadureceram a proposta, que então foi apresentada à Subprefeitura de Pinheiros e CET, com apoio da Iniciativa Bloomberg para a Segurança Global no Trânsito.

Definido como legado do festival, Caminhar Pinheiros recebeu o patrocínio da 99, que vai financiar as intervenções da fase de testes, entre 5 de novembro e 10 de dezembro de 2018.